7 de dezembro de 2012

Parque de Serralves é Monumento Nacional graças ao “ investimento no restauro e manutenção ”


 
O Parque de Serralves, designação para a Casa, Museu e jardins homónimos, foi ontem classificado Monumento Nacional, a par de mais seis espaços. A Fundação de Serralves congratulou-se com a decisão e lembra o “investimento continuado no restauro e manutenção”.
O Parque de Serralves, conjunto patrimonial no Porto gerido pela Fundação de Serralves, é desde ontem um dos novos sete Monumentos Nacionais. A classificação da Casa, do Museu e dos jardins de Serralves foi encarada como “um marco importante” pela Fundação, significando “o reconhecimento da relevância e singularidade do património, tanto arquitetónico como de arte dos jardins”.
Um “reconhecimento” que só é possível porque a Fundação “se empenhou muito durante os últimos anos” em garantir um selo de qualidade, só possível com “um investimento continuado no seu restauro e manutenção”.
O Conselho de Ministros aprovou ainda a classificação de mais seis espaços: as Termas Medicinais Romanas de Chaves, as Muralhas e Porta da Almedina de Silves, o Forte de São Sebastião e “demais elementos arquitetónicos que subsistem dos baluartes e revelins que o ligavam ao Castelo de Castro Marim” (em Castro Marim), o Santuário de Nossa Senhora de Aires e o da Ermida do Senhor Jesus do Cruzeiro (ambos em Viana do Alentejo), o Terreiro da Batalha de Montes Claros (Borba), os Núcleos do Sítio Arqueológico de Abul (Alcácer do Sal) e o Campo Militar de Trancoso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário