28 de dezembro de 2012

Aplicação lusa para chamar táxis com um clique

Aplicação lusa para chamar táxis com um clique
Depois de uma aplicação para smartphone que lhe diz quanto tempo falta para o autocarro, a start-up portuguesa IZIMOOVE prepara-se para lançar no mercado mais uma novidade: a Taxi Motions, uma "app" para sistemas iOS e Android que dá ao utilizador a hipótese de saber qual é o táxi mais próximo e de o chamar de forma fácil e com poucos cliques.
De acordo com a Exame Informática, esta aplicação inovadora para smartphones e tablets está pensada tanto para os taxistas, como para os passageiros. No que respeita aos táxis, a Taxi Motions deverá permitir ao motorista - que terá de pagar uma comissão com valor "marginal" - gerir as requisições dos clientes e ver também, em tempo real, as áreas da cidade onde há maior procura.
Já os utilizadores terão somente que fazer o download da aplicação para o seu smartphone, e, de forma gratuita, poderão saber que táxi está mais próximo deles e estimar o custo da viagem que pretendem fazer. Caso queiram optar por serviços personalizados (como um táxi com cadeira de bebé ou ar condicionado), terão de pagar uma taxa acrescida.

"App" já foi testada em 10 táxis
Bernardo Alves, sócio e fundador da Ivi, explicou à Exame Informática que "ao contrário das centrais, não há barreiras à entrada e à saída deste serviço. Os taxistas não têm de gastar dinheiro em equipamentos para comunicar com a central e não têm de permanecer ligados a ela só porque estão a pagar esses equipamentos".
Além disso, de acordo com o responsável, esta "app" poderá abrir a possibilidade da existência de serviços baseados em 'vouchers', grupos de utilizadores frequentes ou táxi coletivo, sendo o factor segurança um elemento determinante. "Tanto o taxista como a pessoa que usa o táxi acabam por ser identificados pela plataforma", salientou.
Os responsáveis da IZIMOOVE querem não apenas chegar aos táxis independentes - cerca de metade da frota nacional -, mas também fazer concorrência às centrais tradicionais. Até agora, a "app" já foi testada em 10 táxis de duas companhias e o conceito provou ser viável, embora haja algum trabalho pela frente antes de esta se constituir como uma alternativa às requisições feitas por telefone.
A Exame Informática adianta ainda que, atualmente, a start-up está a negociar duas parcerias, uma com o operador de telecomunicações e outra com uma entidade financeira para facilitar, por um lado, a compra de tablets ou smartphones mais baratos e, por outro, para criar um sistema de pagamento para pagar a viagem através do telemóvel com recurso a comunicações sem fios.

Clique
AQUI para aceder ao site da Taxi Motions (ainda em construção).

Nenhum comentário:

Postar um comentário